Conhecer novas culturas pode ser enriquecedor para muitas pessoas - mas viajar sem conhecer a fundo algumas questões culturais pode acarretar em momentos embaraçosos durante a viagem. Na última terça-feira, autoridades da Malásia prenderam uma turista por ficar nua e posar para fotos no pico mais alto do país, o Monte Kinabalu. Moradores da região acreditam que o ato teria revoltado os espíritos da montanha e causado um terremoto de 6 graus na escala Richter que sacudiu o norte do país no dia 5 de junho.




LEIA TAMBÉM:

O incidente é um exemplo de como as crenças e costumes locais não devem ser desrespeitados. Pensando nisso, o blog da Oyster, site de viagens que avalia hotéis pelo mundo todo, compilou uma lista com cinco erros culturais que devem ser evitados em determinados países. Confira abaixo  deslizes que devem ser evitados:

Não levante o braço para acenar na Grécia

Em muitos países do Ocidente, acenar é um gesto amigável e que dificilmente pode ser interpretado de uma forma negativa. Na Grécia, porém, o gesto é considerado um insulto. Conhecido como ‘mountza’, o ato de levantar o braço e acenar com a mão significa um grosseiro ‘vá se danar’ (mas em linguagem mais chula...).

Não assoe o nariz à mesa na China

O gesto não é bem-vindo em muitos países do mundo, mas na China assoar o nariz em público é uma das principais gafes que o turista pode cometer, uma vez que os chineses consideram a atitude como muito repugnante. (mas pode arrotar)

Não cumprimente alguém sob o batente da porta na Rússia

Apertar as mãos é um gesto de saudação em muitas partes do mundo, mas na Rússia existe uma superstição de que cumprimentar alguém dessa maneira sob o batente de uma porta dá azar.

Nunca aceite nada com a mão esquerda no Oriente Médio

Em muitos países do Oriente Médio e nações com grandes populações hinduístas, como a Índia, Malásia e Singapura, a mão esquerda é considerada a ‘mão do banheiro’ – aquela que é usada para higiene pessoal em uma ida ao banheiro. Aceitar alimentos, principalmente em locais sagrados como templos, com a mão esquerda pode ser considerado um ato desrespeitoso.

Não entre calçado em casas de países asiáticos

Remover os sapatos antes de entrar na casa de alguém é um sinal de respeito nos países asiáticos. Em alguns países, camas e mesas de refeições são baixas, o que exige maior rigor na limpeza do chão. Na Tailândia, por exemplo, os turistas são convidados a tirar os sapatos antes de entrar em várias lojas.

Fonte: Veja




Postar um comentário

Pr. Antonio Romero Filho

{picture#http://imagizer.imageshack.com/img922/3226/HlUzqY.jpg} Presidente da Assembleia de Deus - Ministério de São Lourenço - MG - Brasil. Fundador do CIM - Centro Internacional de Missões. Pioneiro de Missões do Ministério de Taubaté - SP - 1981/2001 - Diretor responsável pelo Portal CNB. {facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}
Tecnologia do Blogger.