Presidente sírio, Bashar al-Assad, cumprimenta presidente russo, Vladimir Putin, durante encontro em Moscou. (Foto: Alexei Druzhinin, RIA-Novosti/ AP)


Segundo o autor, a Grã-Bretanha e os Estados Unidos serão porta-vozes do Anticristo, que irá definir a agenda para estabelecer uma nova ordem mundial. 

A Rússia, por sua vez, servirá como os pés do Anticristo, sustentando o contexto do Oriente Médio, e o islamismo será o corpo do império do Anticristo.

O presidente da Síria Bashar al-Assad fez uma visita surpresa ao presidente russo Vladimir Putin em Moscou, nesta terça-feira (20), reafirmando mais indício da aproximação entre as duas nações.

No mês passado, o presidente dos Estados Unidos Barack Obama criticou a aliança entre a Rússia e a Síria, afirmando que Assad é o culpado pela guerra civil que já dura há quatro anos em seu país.

No entanto, para o escritor Steve Magill, a amizade entre a Rússia e a Síria é mais do que apenas uma questão de diplomacia — é mais um passo para a ascensão do Anticristo.

Magill, que escreveu o livro Revelation and the Age of the Antichrist (Apocalipse e a Era do Anticristo, em tradução livre), se baseia nos livros bíblicos de Daniel e Apocalipse para explicar porque a aliança entre a Rússia e a Síria sinalizam o começo do fim dos tempos.

De acordo com a explicação de Magil ao site Charisma News, o capítulo 7 de Daniel narra a ascensão de quatro impérios no cenário mundial. Os impérios simbolizados por um leão são Grã-Bretanha e os Estados Unidos, o urso simboliza a Rússia, enquanto o leopardo ilustra o islamismo.

Magill observou que nunca, na história do mundo, essas quatro nações estiveram em tanto destaque como agora.

Citando Apocalipse 13:2, Magill descreveu o papel que cada uma das nações irá desempenhar, levando ao surgimento do Anticristo.

O autor disse que a Grã-Bretanha e os Estados Unidos serão porta-vozes do Anticristo, que irá definir a agenda para estabelecer uma nova ordem mundial. A Rússia, por sua vez, servirá como os pés do Anticristo, sustentando o contexto do Oriente Médio.

O islamismo, de acordo com a Magill, será o corpo do império do Anticristo.

"O tratado que a Rússia reviveu com a Síria é importante porque o Anticristo aparecerá fora da Síria. As Escrituras também registram a Rússia como os pés do Anticristo, ordenada para mobilizar o seu império", disse o autor do livro.

Diante da forma como as coisas estão sendo conduzidas, Magill disse que a era do Anticristo está prestes a se iniciar, e que a Terra só vai durar até sete anos.

Postado por 

Guiame

Postar um comentário

Pr. Antonio Romero Filho

{picture#http://imagizer.imageshack.com/img922/3226/HlUzqY.jpg} Presidente da Assembleia de Deus - Ministério de São Lourenço - MG - Brasil. Fundador do CIM - Centro Internacional de Missões. Pioneiro de Missões do Ministério de Taubaté - SP - 1981/2001 - Diretor responsável pelo Portal CNB. {facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}
Tecnologia do Blogger.