Viajantes podem economizar nas passagens aéreas com medidas simples. (Foto: ThinkStock)
Viajantes podem economizar nas passagens aéreas com medidas simples. (Foto: ThinkStock)
A experiência de comprar uma passagem aérea e depois de dias, horas ou mesmo minutos encontrar outra com valor menor causa uma certa indignação nos viajantes. Para reduzir essa possibilidade ao máximo na próxima viagem, o G1 listou algumas dicas:

1. Use os sites que comparam preços

Sites como kayak, farecompare, momondo e skyscanner podem comparar os valores das passagem para quem tem flexibilidade de datas para viajar.

As companhias têm acordos diferentes com cada um dos sites, por isso, vale a pena entrar em vários deles. Alguns, por exemplo, incluem tarifas de companhias de baixo custo.

2. Cheque quando é mais barato viajar

Viajar durante a semana sempre é mais barato! Já que a sexta-feira e o domingo são os dias mais escolhidos pelas pessoas que viajam a negócios e turistas que querem aproveitar o fim de semana, boas ofertas acabam surgindo na terça ou quarta-feira.

Alguns sites comparadores de preços possuem a ferramenta "previsão de voo", que pode ajudar a identificar o dia mais barato da semana em uma rota específica.

3. Veja quando é mais barato comprar a passagem

O melhor dia para se comprar uma passagem aérea é a terça-feira, de acordo com um comunicado da Airlines Reporting Corporation, publicado em novembro de 2014. A data também é sugerida por vários blogueiros e especialistas em viagens.

Segundo algumas das explicações, esse é o momento em que as companhias aéreas lançam suas ofertas de passagens restantes, para tentar obter a ocupação máxima em seus voos.

4. Vale a pena esperar uma oferta de último minuto?

Atualmente, a posição geral da indústria é a de que não vale a pena. Para voos internacionais, por exemplo, alguns estudos indicam que o ideal é comprar com uma antecedência de cerca de 60 dias.

Apenas no caso de alguns pacotes de viagens é que pode valer a pena checar ofertas às vésperas da viagem, já que pode haver cancelamentos ou lugares vagos em voos charter.

5. Limpe os cookies de seu computador e troque de navegador

Há relatos de que algumas companhias aéreas usem informações providas por cookies para monitorar sua navegação e aumentar os preços de um voo se souber que você está interessado. Isso explicaria porque, algumas vezes, quando você volta meia hora depois para comprar uma passagem, encontra um valor mais alto.

Por outro lado, a jornalista Erica Ho, que trabalhava para a revista Time em Hong Kong, comprovou que os preços das mesmas rotas variavam de maneira exorbitante dependendo do país em que se acessava o site da companhia aérea.

Para evitar isso, uma opção é apagar as cookies antes de pagar a passagem ou utilizar outro navegador para fazer a mesma busca. Uma outra dica sugerida por Erica é, no site de compras, trocar a sua localização e o idioma. Se estiver no Brasil, escolha um país diferente e não selecione o português.

6. Busque por rotas alternativas

Use sua criatividade para encontrar ofertas, buscando voos partindo ou chegando a outros aeroportos. Por exemplo, se seu destino for São Paulo, voar para Viracopos (no município de Campinas) pode ser mais barato do que para o aeroporto de Guarulhos.

7. Se inscreva em programas de milhagem

Para quem costuma viajar bastante, aproveitar as ofertas de programas de fidelidade é uma saída. Algumas companhias aéreas também oferecem cartões de crédito próprio, com os quais se ganha mais milhas com seu uso.

8. Assine as newsletters das companhias aéreas

Receber ofertas por e-mail pode ser um pouco irritante, mas permite com que você fique sabendo em primeira mão quando uma companhia lança uma promoção. Outra ideia é seguir as contas das empresas nas redes sociais.

Fonte: Guiame

Postar um comentário

Pr. Antonio Romero Filho

{picture#http://imagizer.imageshack.com/img922/3226/HlUzqY.jpg} Presidente da Assembleia de Deus - Ministério de São Lourenço - MG - Brasil. Fundador do CIM - Centro Internacional de Missões. Pioneiro de Missões do Ministério de Taubaté - SP - 1981/2001 - Diretor responsável pelo Portal CNB. {facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}
Tecnologia do Blogger.